Helal, Viehmann e Zapelini vencem no Velocitta.




A quinta etapa da temporada da Old Stock Race foi aberta na manhã deste domingo no Autódromo Velocittà, em Mogi-Guaçu, com tempo nublado e vitórias de Rodrigo Helal e Konrad Viehmann, respectivamente, na Old Stock e na Opala 250.

A corrida começou quente, com Felipe Matos fazendo uma excelente largada e mantendo a primeira posição. Pedro Pimenta também largou bem e pulou de sétimo para terceiro. Evandro Camargo também veio ganhando posições e logo chegou na disputa pela liderança. Depois de fazer uma largada conservadora, Rodrigo Helal apresentou bom rendimento e foi ganhando posições. Primeiro, passou por Evandro Camargo e, depois, ultrapassou Felipe Matos para assumir a liderança. Porém, Felipe Matos não deu trégua e partiu para o ataque nas voltas finais. A chegada foi emocionante, com um toque entre os dois na última curva que quase jogou fora a prova de ambos. Porém, Rodrigo Helal confirmou mais uma vitória na temporada, com Felipe Matos chegando em segundo e Luiz Zapelini, em terceiro.



Confira o resultado da prova:

1) 113 Rodrigo Helal em 28min10s281

2) 93 Felipe Matos 0s223

3) 10 Luiz Zapelini 17s602

4) 51 Pimenta 32s263

5) 11 Molly Robinson 34s155

6) 64 Marcos Philippi 35s232

7) 9 Marco Maragno 35s576

8) 22 Felipe Lemonias 1min06s550

9) 7 Amaury Biem a 1min17s842

10) 1 Evandro Camargo a 10 voltas

11) 18 Georges Lemonias a 11 voltas

12) 52 Thiago Lourenço a 13 voltas


Na Opala 250, Konrad Viehman aproveitou a pole-position e só fez abrir vantagem sobre seus concorrentes, tanto que terminou na oitava posição geral da prova e somou pontos suficientes para abrir vantagem na liderança do campeonato. Carlos Freire chegou em segundo, mas foi destaque na prova como escalador de pelotão, ganhando sete posições. Rodrigo Silva fez uma boa prova e terminou em terceiro.



Confira o resultado final da prova:

1) 73 Konrad Viehmann

2) 281 Carlos Freire

3) 43 Rodrigo Silva

4) 106 Cristiano Gomes

5) 239 Evandro Pelati

6) 68 Perseu Alarcon





Na segunda prova, que aconteceu no final da tarde, Rodrigo Helal não deu chances para os seus oponentes vencendo de ponta-a-ponta, garantindo a liderança do campeonato com quatro pontos de vantagem sobre Felipe Matos, que terminou na sexta colocação.

A vitória foi dedicada ao pai Neimer Helal, falecido em março deste ano e que completaria aniversário neste domingo.

“Corri com as sapatilhas dele hoje e essas vitórias são um presente para o meu pai”, contou o piloto ao final da etapa.




A largada da corrida foi tumultuada no meio do pelotão. Um acidente na curva 2 envolveu os carros de Grego Lemonias, Cristiano Gomes e Rodrigo Silva, que acabou levando a pior e ficou fora da prova. O acidente ocasionou a entrada do safety-car.

Na relargada, Helal sumiu na liderança. Luiz Zapelini aproveitou e pulou para segundo, garantindo a liderança e a vitória na Old Man, sub divisão para os pilotos acima de 55 anos. Felipe Matos, que brigava para ficar entre os três primeiros acabou escapando da pista e caiu para a 10ª posição, sendo obrigado a fazer uma prova de recuperação e salvar pontos para o campeonato. Grego Lemonias escalou o pelotão com um total de 17 ultrapassagens.

No final, Helal da frente, seguido por quatro pilotos Old Man - Luiz Zapelini, Grego Lemonias, Pedro Pimenta e Marcos Philippi.



Confira o resultado da prova:

Geral

1) 113 Rodrigo Helal em 30min21s758

2) 10 Luiz Zapelini a 9s471

3) 18 Georges Lemonias a 20s048

4) 51 Pimenta a 27s834

5) 64 Marcos Philippi a 34s705

6) 93 Felipe Matos a 44s160

7) 11 Molly Robinson a 44s372

8) 9 Marco Maragno a 1min11ss149

9) 22 Felipe Lemonias a 1min30s042

10) 7 Amaury Biem a 3 voltas

11) 1 Evandro Camargo a 6 voltas

12) 52 Thiago Lourenço a 7 voltas


Old Man

1) 10 Luiz Zapelini

2) 18 Georges Lemonias

3) 51 Pimenta

4) 64 Marcos Philippi




Na Opala 250 a “Laranja Mecânica” de Konrad Viehmann garantiu duas vitórias neste final de semana. A corrida dois não foi tão tranquila quanto a corrida 1. Logo nas primeiras voltas ele acabou ultrapassado pela “Cheirosa” 281 de Carlos Freire. Porém, Freire acabou escapando em uma das curvas e cedeu a liderança, novamente, para Viehmann.

Depois disso, Freire teve que iniciar uma perseguição e foi tirando a diferença até encostar. Com a pista úmida, Viehmann jogou na defensiva e soube manter a primeira posição da categoria.

Cristiano Gomes, mesmo se envolvendo no acidente logo na largada, terminou com a terceira colocação, seguido por Perseu Alarcon e Marcio Nasser.



Confira o resultado da prova:

1) 73 Konrad Viehmann em 31min09s198

2) 281 Carlos Freire em 31min09s745

3) 106 Cristiano Gomes em 32min09s768

4) 68 Perseu Alarcon a 1 volta

5) 65 Marcio Nasser a 1 volta

6) 239 Leonardo Queiroz a 1 volta

7) 43 Rodrigo Silva a 15 voltas





A próxima etapa da Old Stock Race está prevista para o início do mês de novembro, com local a ser confirmado pela organização.

As corridas da Old Stock Race e Opala 250 estão disponíveis na íntegra no Youtube em www.youtube.com/oldstockraceoficial


Fotos: Humberto Silva/OSR


Texto: Osires Junior e Sergio Rodrigues

Assessoria de Imprensa Old Stock Race


Posts Em Destaque
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square